26 de ago de 2011

Não Idolatre o seu Líder

Diga-me, o que você diria de alguém que diz que sua denominação é a melhor? Que prega o tal evangelho da prosperidade sem parar? Que sua mensagem tem um foco terreno e na vida financeira somente? Diria que é um falso líder? Que está errado? Mas se eu disser que este homem é o pastor Raul Cavalcante? Ou o Silas Malafaia? Seu pastor ou líder? Essas mentiras passariam a não ser tão erradas assim?  

Acho interessante como a verdade aos nossos ouvidos muda dependendo da fonte, o mesmo vale para a mentira. Isto é, uma mentira contada por alguém que você confia plenamente parecerá verdade, e uma verdade falada pela pessoa errada poderá passar a ser mentira. Por exemplo, você lendo esse texto e sabendo que é de minha autoria pode até criticá-lo e se dar o direito de duvidar, mas se esse mesmo texto fosse escrito pelo pastor Raul, Silas Malafaia, René Terra Nova, aí o panorama muda, você terá um tendência a aceitar sem críticas mais facilmente, pois quem criticará seu próprio líder?



Existe uma característica comum em todo meio evangélico, veja bem, eu posso criticar o evangelho da prosperidade, triunfalista, os exageros e tudo mais. Agora, se eu der nomes aos bois, principalmente se for um líder carismático, pronto, sou herege, rebelde, condenado. Aí está o erro, sutilmente não duvidarmos de nossos líderes e aceitarmos tudo cegamente. Alguns, acreditem, chegam até a idolatrá-los. Olhe bem, se você criticar um líder que o teor da sua mensagem é o evangelho da prosperidade, logo será indagado: você não tem medo de tocar no ungido do senhor, no anjo da igreja?


Falo isso porque nosso maior erro atualmente é não duvidarmos. E o que tem sido pregado é  ‘o não critique’, ‘não duvide’. Aí vem um pregador, pastor, patriarca, com uma mensagem triunfalista e terrena, e por ser seu líder ou pregador favorito, não analisa sua mensagem caindo nos modismos da atual cristandade. O que as pessoas se esquecem é que todo líder, pastor ou patriarca, é sujeito à Bíblia, o que ela diz que é errado, não importa quem diga, continuará a sendo errado, e o que é certo continuará sendo certo mesmo que sendo falada por um pecador perdido.


fonte: IDE

5 comentários:

Alliadoo disse...

Pertinente observação, mas, talvez, não surta o efeito desejado.

Muitos querem mestres segundo a sua própria sabedoria. Para estes, a verdade é desconfortável. Existe uma geração que gosta de Jesus, mas, é apaixonada por seus líderes. Somente o ES convence do pecado, da justiça e do juízo.

Permaneçamos firmes!

luizcarlosareias@hotmail.com disse...

NÓS COSTUMAMOS PEDIR A DEUS SABEDORIA, E ISSO É PRINCIPIO BÍBLICO, ESTA CERTO, POREM DEVERIA-MOS PEDIR DISCERNIMENTO PARA SEPARAR O SANTO DO PROFANO, SEM JULGAMENTO HUMANO, PENSANDO ASSIM: QUERO OUVIR SUAS PALAVRAS, MAS OS SEUS ATOS FALAM MAIS ALTO... PARABENS PELA LEMBRANÇA E UMA COBRANÇA PARA VC AMIGA: NÃO PARE, CONTINUE POIS SUA JORNADA É PARA MUITOS DIAS

Marco Alcantara disse...

Luiz Carlos, seria bacana se vc voltasse aqui e explicasse melhor este seu comentário. Ficou meio confuso e ainda mais usando caixa alta.

Abraço!

Pr. Adilson Martins disse...

ótima observação. Particularmente, acredito que mesmo vivendo em um mundo cheio de idolatrias, utopias, acho que ainda existe um povo busca se livrar desse evangelho pobre que alguns tem pregado e vivido por aí.

Abraços,
Adilson.

Sidney Menezes disse...

é meu irmãos.. precisamos como nunca que a palavra de Deus nos ilumine. os tempos sao tenebrosos..precisamos de Deus

Leia também...

2leep.com