22 de ago de 2011

Procrastinar na internet aumenta a produtividade




Se está lendo isso no trabalho, pode fazê-lo sem culpa: você não está perdendo tempo, está aumentando a sua produtividade. É, agradece a gente: achamos um estudo devidamente científico para salvar a sua pele na próxima vez em que seu chefe pegar você fuçando a vida alheia no Facebook, batendo papo no Twitter ou, bem, lendo o CIÊNCIA MALUCA.



“Navegar na internet tem uma função restauradora importante”, dizem pesquisadores (que provavelmente gostam de passar um bom tempo online) da Universidade Nacional de Singapura. Segundo eles, fuçar na web revigora a pessoa mentalmente após longos períodos de trabalho, e tem um efeito ainda mais poderoso do que conversar pessoalmente com alguém.

Um líder esperto, portanto, deixa todo mundo livre para procrastinar à vontade: “O monitoramento excessivo do uso da internet apenas incentiva os funcionários a usá-la ainda mais”, constatam nossos cientistas bróders. Ouviram, chefes? Mas ok, não dá para liberar geral. É melhor evitar as trocas constantes de e-mails: “A necessidade de responder ao e-mail prejudica o engajamento psicológico da pessoa, afetando sua concentração”, dizem.

O estudo foi apresentado nesta semana lá na conferência anual da Academy of Management, que rolou nos EUA.

E você, o que acha? Você produz mais em um ambiente de trabalho em que dá para fuçar no Facebook, ler blogs, papear no MSN e no Gtalk e tuítar o tempo todo?

Nenhum comentário:

Leia também...

2leep.com